Cristão e não cristão

CRISTOFOBIA NO CHILE E O ÓDIO DO BEM

2020.10.26 02:21 UltraViolet_Pill CRISTOFOBIA NO CHILE E O ÓDIO DO BEM

CRISTOFOBIA NO CHILE E O ÓDIO DO BEM
As igrejas queimadas no Chile por vândalos e terroristas esquerdopatas levantaram o debate sobre a Cristofobia, ou o Ódio aos Cristãos. Aparentemente, Mi General Pinochet não terminou o serviço.
Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=oa9uoXokUCI
BitChute: https://www.bitchute.com/video/x9v2iYwR2Vk2/
Eu peço que inscreva-se, compartilhe e lembre se sempre:
BRASÍLIA DELENDA EST e VIVA CRISTO REI!
https://preview.redd.it/lhietgodccv51.jpg?width=750&format=pjpg&auto=webp&s=321b6ba451906580c9fdf96d636eb031ce5707b7
submitted by UltraViolet_Pill to Direita [link] [comments]


2020.10.26 02:20 UltraViolet_Pill CRISTOFOBIA NO CHILE E O ÓDIO DO BEM

CRISTOFOBIA NO CHILE E O ÓDIO DO BEM
As igrejas queimadas no Chile por vândalos e terroristas esquerdopatas levantaram o debate sobre a Cristofobia, ou o Ódio aos Cristãos. Aparentemente, Mi General Pinochet não terminou o serviço.
Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=oa9uoXokUCI
BitChute: https://www.bitchute.com/video/x9v2iYwR2Vk2/
Eu peço que inscreva-se, compartilhe e lembre se sempre:
BRASÍLIA DELENDA EST e VIVA CRISTO REI!
https://preview.redd.it/zaan0vhcccv51.jpg?width=750&format=pjpg&auto=webp&s=7e15a98b994786ae38b3a6e78c7e0becf11cf10b
submitted by UltraViolet_Pill to conservadorismo [link] [comments]


2020.10.26 02:20 UltraViolet_Pill CRISTOFOBIA NO CHILE E O ÓDIO DO BEM

CRISTOFOBIA NO CHILE E O ÓDIO DO BEM
As igrejas queimadas no Chile por vândalos e terroristas esquerdopatas levantaram o debate sobre a Cristofobia, ou o Ódio aos Cristãos. Aparentemente, Mi General Pinochet não terminou o serviço.
Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=oa9uoXokUCI
BitChute: https://www.bitchute.com/video/x9v2iYwR2Vk2/
Eu peço que inscreva-se, compartilhe e lembre se sempre:
BRASÍLIA DELENDA EST e VIVA CRISTO REI!
https://preview.redd.it/9qjm85vaccv51.jpg?width=750&format=pjpg&auto=webp&s=13682e49568f71dab3cf717ae43031f5687fd4d6
submitted by UltraViolet_Pill to ConservadoresDoBrasil [link] [comments]


2020.10.26 02:19 UltraViolet_Pill CRISTOFOBIA NO CHILE E O ÓDIO DO BEM

As igrejas queimadas no Chile por vândalos e terroristas esquerdopatas levantaram o debate sobre a Cristofobia, ou o Ódio aos Cristãos. Aparentemente, Mi General Pinochet não terminou o serviço.
Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=oa9uoXokUCI
BitChute: https://www.bitchute.com/video/XYvETxPuwcKX/
Eu peço que inscreva-se, compartilhe e lembre se sempre:
BRASÍLIA DELENDA EST e VIVA CRISTO REI!
https://preview.redd.it/5116t4b1ccv51.jpg?width=750&format=pjpg&auto=webp&s=13ce76e7879d0975b9bd135fd6c9f6c3fdd70e39
submitted by UltraViolet_Pill to Bolsonaro [link] [comments]


2020.10.25 20:31 vitu_18 Conselhos sobre como sair de casa com uma família conturbada e controladora!

Olá, caro leitor!
Me chamo Victor, atualmente estou em meus 19 anos e estou com grandes problemas no que diz respeito à criar asinhas e sair do ninho.
Acompanho o subreddit a uns 3 meses e o mesmo sempre me foi de grande ajuda, pois me identifico com muitos posts aqui mas não sou muito de comentar, apenas visualizo e me inspiro em histórias que vejo.
Pois bem, semana passada aluguei uma casa e estava tudo pronto para a mudança, atualmente possuo um notebook que comprei recentemente e algumas roupas, meu plano era comprar eletros e móveis essenciais com o passar do tempo, como geladeira, fogão e cama.
Exatamente Sexta-Feira 23/10, após chegar do trabalho às 22h10, fui contar aos meus pais o ocorrido e minha decisão de ser independente.
Em minha cabeça, uma família normal sentiria orgulho do filho ao saber que o mesmo deseja ser independente e tocar sua própria vida, sem depender de ninguém.
Porém, conhecendo minha família, sabia que não iria ser tão amigável, mas também não pensei que passaria tamanho estresse.
Meu pai prontamente se levantou e começou a berrar igual um animal, alertando toda a vizinhança e impondo sua " autoridade ".
Apenas um resumo, meu pai é o típico cristão que vota no Bolsonaro e vai na igreja todo domingo pregar, mas só eu que estou em casa conhece o demônio que ali habita ( sou ateu).
Após aproximadamente duas horas de gritaria e agressão da parte do mesmo ( mesmo eu tendo 19 anos, ainda apanho e sofro ameaças constantes dele)
Foi decidido por ele que não irei me mudar pois isso é coisa de moleque e que só saio de casa quando estiver casado ( tenho um total de 0 interesse de casar e ter uma família, apenas queria ser feliz)
Não vou entrar em detalhes da minha história, mas pelos acontecimentos, vocês conseguem imaginar o que passei nesses 19 anos.
O que mais me frustra é trabalhar desde os 16 para ter meu lugar e um pingo de felicidade pela primeira vez na vida e quando finalmente chega a hora, sou barrado na base da porrada e ameaças.
Estou bastante abalado e gostaria de alguns conselhos, se possível!
obrigado, pessoal! =)
submitted by vitu_18 to desabafos [link] [comments]


2020.10.25 01:05 Ryanf1f5f4f4 Agora descobri porque o Arthur do Val tá com poucos pontos na pesquisa.

Ele é agnóstico, aqui no Evangelistão você ser ateu/agnóstico é motivo de exclusão. Se ele fosse pastor mamãe falei ele ganhava, mas como é ateu, se fodeu. O país dos 60 mil homicídios por ano só tá nessa merda porque prefere votar em pastor do que em político que fala em segurança e educação. O Canadá 20% ateu é mais rico que o Evangelistão fundamentalista, onde político precisa se fixar a religião pra tentar alguma coisa.
No final dos anos 80, o FHC só não ganhou a prefeitura de SP porque o jornalista perguntou qual era a sua religião, adivinha? Ele derreteu. Não to defendendo FHC, agora tu votar ou deixar de votar em alguém pela religião é sinal que estamos mais próximos do Irã/Iraque/Turquia do que da Suécia/Noruega/Canadá.

((Foi só um desabafo, não sou contra a liberdade de religião, só não gosto de ser governado por cristãos violando o estado laico))

Ps: Claro que não é por isso diretamente, mas imaginem se o Arthur Do Val fosse de fato um bom candidato? Aconteceria igual aconteceu com o FHC.

Fonte do debate do FHC: https://www1.folha.uol.com.bfsp/1994/4/02/brasil/17.html
submitted by Ryanf1f5f4f4 to brasil [link] [comments]


2020.10.20 20:16 NoxNoctis4242 The Intercept: Os superpoderes da Anajure, a associação de juristas evangélicos que quer um Brasil teocrático

https://theintercept.com/2020/10/18/anajure-juristas-evangelicos-brasil-teocratico/
A DEFENSORIA PÚBLICA DA UNIÃO, órgão federal que presta assistência jurídica gratuita aos mais pobres, mudou a maneira como escolhe seu chefe após a chegada do bolsonarismo. Antes, os defensores públicos elegiam uma lista tríplice e a submetiam ao presidente da República, que obrigatoriamente deveria escolher um dos três nomes. Mas uma nova etapa foi introduzida nesse processo seletivo. Agora, os candidatos precisam passar pelo crivo de uma entidade representativa dos evangélicos, a Associação Nacional de Juristas Evangélicos (Anajure), que tem entre seus fundadores a ministra Damares Alves.
(…) Após entrevistar os candidatos, a Anajure escolheu Daniel Macedo Pereira, o segundo da lista, e enviou um ofício ao presidente da República fazendo a recomendação. Bolsonaro acatou prontamente.
(…) Nesse ofício enviado ao presidente, fica claro que o principal critério de escolha dos juristas evangélicos para chefiar a DPU foi a defesa intransigente “do direito à vida desde a concepção” — a velha obsessão com o aborto. Informaram o presidente que Daniel Macedo tinha se comprometido a criar “um grupo de trabalho em defesa dos direitos do nascituro”. A DPU é um órgão que historicamente apoia mulheres em situação de risco que, muitas vezes, recorrem ao aborto legal. Esse é o principal motivo da predileção da Anajure pelo aparelhamento do órgão.
(…) Diferentemente dos neopentecostais, que são mais histriônicos e atuam de maneira ostensiva na política em defesa dos seus interesses, os calvinistas são mais discretos e silenciosos. Eles atuam nos bastidores não por cargos mais cobiçados, onde está o dinheiro, mas por cargos jurídicos nos quais valores morais são disputados, como é o caso da DPU, a PGR, a AGU e o STF. Enquanto a opinião pública se volta para a histeria de felicianos e malafaias, a Anajure vai silenciosamente pautando a esfera pública, aparelhando o judiciário e violando a laicidade do estado.
(…) Além de avançar sobre a área jurídica, a Anajure exerce forte influência sobre o Itamaraty. Não é de hoje que a entidade demonstra interesse em alçar voos internacionais em defesa do cristianismo que, segundo eles, é perseguido no Brasil e no mundo. Graças ao seu poderoso lobby, a Anajure se tornou a primeira entidade de juristas evangélicos a ter assento na Organização dos Estados Americanos (OEA), que conseguiu graças ao diálogo que manteve com o governo Dilma. A bandeira que ela diz defender nesses avanços internacionais é a da liberdade religiosa, mas, na prática, trata-se de uma luta pela hegemonia cultural dos valores cristãos sobre o mundo. Um diplomata com mais de duas décadas de carreira ouvido pela reportagem da Piauí afirmou: “A gente passa vergonha o tempo todo. Essa bandeira de liberdade religiosa não traz ganho objetivo nenhum, não amplia comércio, não produz nada. É algo que só funciona no campo da ideologia, da representação.”
(…) Na sede em Brasília, a Anajure tem um sistema que monitora todas os Diários Oficiais dos três poderes e as publicações de partidos e movimentos que eles consideram anticristãos. Segundo a reportagem da Piauí, um software vigia pemanentemente 600 sites e produz relatórios diários. Toda vez que o software detecta a publicação de uma palavra-chave considerada uma ameaça para os valores cristãos, a equipe jurídica do grupo é acionada. Eles não estão pra brincadeira.
submitted by NoxNoctis4242 to ateismo_br [link] [comments]


2020.10.19 18:19 assis96 Espírita depressivo

Acho o Espiritismo uma filosofia tão linda, tão positiva, tão otimista. A lógica e consolação espírita realmente são de nos animar. O Espiritismo cristão se propõe a revivescer a Boa Nova do Cristo. Ele nos propõe inúmeras formas e caminhos para sermos felizes. Mas pq ainda encontramos espíritas depressivos, tristes, desanimados? Eu me faço essa pergunta, pq apesar de ser espírita desde berço, ser um estudioso da doutrina e me encontrar numa família onde todos são espíritas, mesmo assim tenho crises de melancolia, de depressão, me sinto triste sem ter motivo aparente. Fico triste comigo mesmo por ainda ser tão imperfeito, preguiçoso, orgulhoso, indiferente com o outro. Como diz Paulo em Romanos 7:15 "Porque eu não compreendo o que faço; porque não faço esse bem que quero, mas o mal que aborreço, esse é que faço." Somos tão contraditórios, parece q a felicidade realmente não é desse mundo. Na minha cabeça é como se soubesse racionalmente o q preciso fazer, mas meu corpo não corresponde, ou melhor, meu espírito é fraco e não consegue ter a vontade de ser feliz. É difícil meus amigos, é difícil...
submitted by assis96 to Espiritismo [link] [comments]


2020.10.18 17:19 Emotional-Cap5287 eu e minha família saímos do armário kk

OBS: esse relato parece fake kkkkkkkk, depois que eu escrevi e foi lê, para vê se tinha algum errado( e tem, vários erros de gramática kkk, mais não estou afim de fazer uma correção gramatical agora), nem eu, que passei por tudo isso, não estou acreditando nessa história kkk, mds, isso parece impossível.
galera, estou aqui para contar um história de uns 4 anos atrás, e essa história foi uns dos melhores momentos da minha vida e da vida da minha família.
vamos começar do início, a 4 anos atrás eu e minha família( a minha família é composta por mim, minha mulher, meu filho e duas meninas) éramos todos cristões, ressaltando que eu era um dos pastores da igreja( e nossa igreja era bem grande, vocês já vai saber pq eu estou dizendo isso) tínhamos todo domingo culto( como toda igreja) e foi em um domingo quase na hora de irmos para o culto, que meu filho decidiu contar que era gay( meu amigos, o menino estava totalmente branco e quase chorando kkkkkk), eu aceitei Normalmente( eu já desconfiava, não verdade a família toda já desconfiava), inclusive nesse mesmo domingo ninguém foi mais para igreja, ficamos em casa e passamos horas conversando sobre esse assunto, meu filho me contou tudo o q estava sentido, e mdssssss, eu nunca imaginei que ele se torturada tanto por qual da sexualidade dele, mais no final tudo se resolve, e também devo dizer que ele hoje está muito feliz, ele arranjou um namorado( que eu não gostei muito no começo, o cara parecia muito mal encarado kkk, mais hoje somos amigos) é ele ia se casar nesse ano, mais o diabo desse pandemia não deixou isso acontecer.
depois de um ano que isso aconteceu, a minha esposa deixou de ser cristão e virou umbandista, na verdade, ela já vinha de uma família umbandistas, mais se converteu ao cristianismo, ainda hoje acho que ela se viu na obrigação de virar cristão para ficar comigo( em outro post eu explico melhor isso), eu aceitei de boas também isso kkk.
agora vou falar de mim, um ex pastor, em 2015, completava 10 anos sendo pastor, mais no final desse mesmo ano, eu já não estava acreditando muito na bíblia, e depois que minha esposa voltou para a umbanda em 2017 ( como já expliquei, ela era umbandista depois virou cristão e depois voltou para a umbanda) eu não acreditava mais na bíblia, isso contei para todo mundo da minha família que eu ia deixar de ser pastor pq eu não acreditava mais naquilo que eh estava pregando, minha família deve uma reação bem positiva, eles disseram que eu devia seguir o caminho que eu achar correto, e assim aconteceu, hoje me considero um ateu, com muito conhecimento bíblico kkk.
E as minhas filhas, uma agora é bi e ateia( orgulho seguiu os passos do papai kkk) e a outra continuou sendo cristão e está estudando para ser pastora, de vez em quando ela me perguntar algum da bíblia( uma explicação) afinal passei anos sendo pastor e posso dizer que tenho bastante conhecimento na mitologia cristão.
sei que meu relato, está faltando muitas informações, que tiver curiosidade em alguma parte e quiser mais detalhes, e só perguntar.
é não tenho que dizer, mais .... eu e minha família agora somos os demônios na boca do povo da igraja que a gente frequentava kkk, até a minha filha mais nova( a minha futura pastora) saiu dessa igreja, pq estava todo mundo falando mal da gente, dessa igreja, agora apenas um pastor fala com a gente, esse pastor é muito amigo nosso, eu conheço ele deste o ensino médio.
OBS: eu esteou escrevendo essa história aqui, pq uma amiga me falo sobre o reddit e esse canal( não sei como se chama as páginas aqui no reddit), então decide falar para vocês sobre a minha vida.
ressaltando, agora todos nós estamos muitos felizes, depois que nos seguimos nossos corações( coisa clichê k) ficamos muito próximos.
submitted by Emotional-Cap5287 to desabafos [link] [comments]


2020.10.18 05:06 SouzaMirelle Acho que não importa nossa religião se uma música é feita com amor e por amor a Deus todos nós cristãos temos a liberdade de ouvi-lá 🎶❤🙏

Acho que não importa nossa religião se uma música é feita com amor e por amor a Deus todos nós cristãos temos a liberdade de ouvi-lá 🎶❤🙏 submitted by SouzaMirelle to u/SouzaMirelle [link] [comments]


2020.10.18 03:15 meucat Entrevista do Bernie Marcus sobre Trump é quase impossível achar pelo google. Nenhum jornal publica nada. Peguei o que me enviaram em espanhol pelo Whatsapp e consegui verificar que o discurso realmente existe.

Bernie Marcus é um filantropo americano que apoia a Trump
Achei esta entrevista em algumas páginas do Facebook , uma delas da humorista Chonda Pierce
Aqui a tradução ao português direto do translate de google

“Em uma entrevista com Bernie Marcus, o fundador da Home Depot foi convidado. “Por que você está votando em Trump? Ele é grosso, rude, agressivo - completamente anti-presidencial. Eu não entendo. ”
Bernie sorriu e respondeu baixinho. “Bem, você sabe, eu pensei sobre o General Patton. Ele usava uma linguagem grosseira, suas maneiras não agradavam às mulheres e sua linguagem certamente ofendia muitos cristãos. Mas precisávamos dele para vencer uma guerra. Trump é o nosso General Patton, e estamos em uma guerra que temos que vencer. ”
Eu acreditava então e acredito ainda mais fortemente agora que nossa batalha é contra potestades e principados. E em uma guerra entre o bem e o mal, vimos os demônios serem soltos e as máscaras serem retiradas. As forças do mal nem mesmo fingem ser civilizadas. Estou de joelhos por meus filhos e netos; Estou diariamente intercedendo em oração por meu amado país, minha querida herança cristã e muito mais. Com todo o respeito e apreço pelos oradores bondosos e bem-falados, é hora de acordar e dar as boas-vindas ao nosso General Patton. ”
Ao que digo: Amém!

A segunda parte que vem anexado no Whatsapp não sei se também é obra do mesmo Bernei Marcus, não achei em Inglês, mas achei numa página Facebook da jornalista venezuelana Carla Angola
Esta é a tradução ao português direto do translate de google

* USA ESTÁ EM PERIGO E COM ELE TODO O HEMISFÉRIO OCIDENTAL *
* Estamos em guerra *
Hoje, toda a esquerda internacional tenta evitar que dois eventos fundamentais ocorram nesta parte do mundo.
Em primeiro lugar e muito importante que o presidente seja reeleito, querem evitar a todo custo que o presidente norte-americano permaneça na Casa Branca e consiga frustrar o complô global que saiu e grandes capitais, grupos radicais que buscam controlar os Estados Unidos (e o mundo) sob a ideologia * "progressista" * do pensamento único, * o novo socialismo. *
Neste momento, o presidente Trump é literalmente o muro de contenção que protege a Liberdade e o Progresso da séria tentativa de submissão socialista.
Soros, a Cabala, os comunistas escondidos atrás de grandes capitais e diferentes grupos de esquerda, que funcionam como um bloco, hoje constituem o inimigo que trabalha incansavelmente para atingir objetivos sombrios que envolvem a todos nós, objetivos que aos poucos vão se extinguindo vindo à luz e que precisamos ter em mente.
Segundo objetivo, tentar evitar por todos os meios disponíveis, que o Governo Trump acabe com as ditaduras venezuelana e nicaraguense, com o câncer cubano, e com o resto dos focos de esquerda e o narcotráfico que os financia e que ainda controla boa parte do hemisfério.
Para alcançar esse absurdo, a esquerda da América, incluindo Venezuela, Europa, Ásia e grupos árabes radicais, todos inimigos do Ocidente e de suas democracias, participam ativamente.
O problema é extremamente complexo e muito delicado, e devemos nos conscientizar do que e quem estamos enfrentando, observar a instabilidade racial e de gênero oportuna em todos os lugares, o vírus COVID 19 lançado este ano pelos chineses para dizimar economias, e os ataques incessantes da mídia socialista 24 horas por dia, 7 dias por semana, tudo faz parte de um plano.
São 21 anos na Venezuela, 41 anos na Nicarágua, 60 em Cuba, 90 na Rússia, China e todas as ditaduras que durante décadas controlaram e continuam a controlar países no mundo com terríveis consequências, tudo prova conclusivamente que esta ameaça é real e crescente , e que não é mais simplesmente uma história isolada ou um lamentável erro de eleição.
Amigos, vamos assimilar o que está acontecendo, devemos estar atentos aos fatos e muito esforço na luta contra esta estratégia de dominação, desenhada e executada em coordenação pelos socialistas de todo o mundo.
Isso vai muito além da luta pela Liberdade, * é a Luta do bem para derrotar o mal que se impõe com base na violência, no racismo e na manipulação da verdade. *
Estamos em guerra e precisamos do esforço de todos, temos que perseverar e, com a ajuda de DEUS e de ideias muito claras, ter a possibilidade de um futuro próspero onde a justiça e a liberdade voltem a prevalecer.
O restabelecimento da humanidade é inevitável, mas devemos determinar de quem será a construção da nova realidade.
É hora de orar sem cessar em todo o mundo🙏🏻
🇻🇪🇳🇮🇨🇺🇹🇷🇨🇳🇬🇹
Por isso, é necessário compreender e assimilar que devemos estar ao lado de todos aqueles que lutam contra este feroz inimigo; * câncer comunista *

Os que tem chapeu de aluminio podem usar
submitted by meucat to brasilivre [link] [comments]


2020.10.18 01:26 Cyberthinker Estou muito triste como professor…

Confesso pra vocês que a notícia do professor decapitado por mostrar caricaturas de Maomé me abalou muito, talvez mais do que a maioria das pessoas. Eu ensino na Itália, me sinto muito próximo a essa situação, como se fosse um colega de trabalho. Como professor, sempre tive total liberdade pra discutir sobre qualquer assunto com meus alunos. Quando eu era aluno, primeiro ano do ensino médio brasileiro, meu professor de filosofia levantou um livro e disse: AQUI! LEIAM O ANTICRISTO DE NIETZSCHE! Eu li, um livro bastante ofensivo e chocante contra o Cristianismo. Nós podíamos discutir sobre tudo, nada era tabu em sala, era o espaço pra trocarmos ideias de forma livre e respeitosa, e incrível como o professor conseguia criar esse ambiente de equilíbrio. Sempre consegui fazer a mesma coisa com os meus alunos, seja no Brasil ou na Itália... falamos sobre homossexualidade, ateísmo, críticas ao Cristianismo… tudo o que quisermos.
Sou gay e ateu, jamais em toda minha carreira recebi qualquer ameaça de aluno cristão conservador mesmo com minhas posições com viés de esquerda… muito pelo contrário, sempre consegui conquistar o respeito deles, mediar as discussões e criar um ambiente sem constrangimentos mesmo onde há divergências. Sempre consegui fazer da sala de aula um ambiente onde trocamos ideias com liberdade e respeito.
Mas o futuro me assusta. 42% dos jovens muçulmanos na França apoiam o terrorismo (Pew Research, p. 54) https://www.pewresearch.org/wp-content/uploads/2007/05/muslim-americans.pdf
Será que algum professor em qualquer contexto muçulmano, mesmo que tenha um único aluno muçulmano em sala, poderá criticar o Islã e falar sobre qualquer assunto sem potencialmente arriscar a vida? Essas estatísticas dizem que não, e isso é muito sério.
Não deixem que o “Escola sem Partido” transforme nosso país num Brasilquistão. Se escolas e universidades não são o ambiente certo para o livre pensamento e qualquer discussão, então perdemos! Na Europa, já não temos mais liberdade, estamos reféns, os professores estão assutados, e temo que não será nesta geração que isso irá mudar… Estamos reféns não só da intolerância religiosa, mas também de grande parte da esquerda europeia que silencia essa discussão. E eu acho que a Europa já perdeu a batalha.
submitted by Cyberthinker to brasil [link] [comments]


2020.10.17 16:55 Mr_Libertarian O Culto Covidiano

Por: C. J. Hopkins
Uma das marcas do totalitarismo é a conformidade em massa a uma narrativa oficial psicótica. Não é uma narrativa oficial regular, como as narrativas da “Guerra Fria” ou da “Guerra ao Terror”. Uma narrativa oficial totalmente delirante que tem pouca ou nenhuma conexão com a realidade e que é contrariada por uma preponderância de fatos. O nazismo e o stalinismo são os exemplos clássicos, mas o fenômeno é melhor observado em cultos e outros grupos sociais subculturais. Numerosos exemplos virão à mente: a família Manson, Jim Jones ‘People’s Temple, a Igreja da Cientologia, Heavens Gate, etc., cada um com sua própria narrativa psicótica oficial: Helter Skelter, Comunismo Cristão, Xenu e a Confederação Galáctica, e assim por diante. Olhando a partir da cultura dominante (ou retrocedendo no tempo, no caso dos nazistas), a natureza delirante dessas narrativas oficiais é flagrantemente óbvia para a maioria das pessoas racionais. O que muitas pessoas não conseguem entender é que, para aqueles que são vítimas deles (sejam membros de uma seita individual ou sociedades totalitárias inteiras), tais narrativas não são consideradas como psicóticas. Pelo contrário, elas parecem totalmente normais. Tudo em sua “realidade” social retifica e reafirma a narrativa, e tudo que a desafia ou contradiz é percebido como uma ameaça existencial. Essas narrativas são invariavelmente paranoicas, retratando o culto como ameaçado ou perseguido por um inimigo maligno ou força antagônica da qual apenas a conformidade inquestionável com a ideologia do culto pode salvar seus membros. Faz pouca diferença se esse antagonista é a cultura dominante, contra-revolucionários, judeus ou um vírus. A questão não é a identidade do inimigo. A questão é a atmosfera de paranoia e histeria que a narrativa oficial gera, que mantém os membros do culto (ou a sociedade) obedientes. Além de paranoicas, essas narrativas costumam ser internamente inconsistentes, ilógicas e … bem, completamente ridículas. Isso não as enfraquece, como se pode suspeitar. Na verdade, aumenta seu poder, pois força seus adeptos a tentarem reconciliar sua inconsistência e irracionalidade e, em muitos casos, o absurdo total, a fim de se manterem em dia com o culto. Tal reconciliação é obviamente impossível e faz com que as mentes dos membros da seita entrem em curto-circuito e abandonem qualquer aparência de pensamento crítico, que é precisamente o que o líder da seita deseja. Além disso, os líderes da seita muitas vezes mudam radicalmente essas narrativas sem motivo aparente, forçando os membros da seita a rejeitar abruptamente (e muitas vezes até denunciar como “heresia”) as crenças que foram forçados a professar anteriormente e se comportar como se nunca tivessem acreditado nelas, o que faz com que suas mentes entrem em curto-circuito, até que eventualmente desistam até mesmo de tentar pensar racionalmente, e simplesmente repetem qualquer coisa sem sentido que o líder do culto coloque em suas cabeças. Além disso, o papo absurdo do líder do culto não é tão absurdo quanto pode parecer à primeira vista. A maioria de nós, ao encontrar esse papo, presume que o líder da seita está tentando se comunicar e que algo está muito errado com seu cérebro. O líder da seita não está tentando se comunicar. Ele está tentando desorientar e controlar a mente do ouvinte. Ouça o modo de falar de Charlie Manson. Não apenas o que ele diz, mas como ele diz. Observe como ele espalha pedaços de verdade em seu fluxo de absurdos associados livremente e seu uso repetitivo de clichês que encerram o pensamento, descritos por Robert J. Lifton da seguinte maneira:
“A linguagem do ambiente totalista é caracterizada pelo clichê exterminador do pensamento. Os problemas humanos de maior alcance e complexidade são compactados em frases breves, altamente seletivas e que soam definitivas, facilmente memorizadas e expressas. Elas se tornam o início e o fim de qualquer análise ideológica.” – Reforma do pensamento e a psicologia do totalismo: Um estudo de “lavagem cerebral” na China, 1961
Se tudo isso parece familiar, ótimo. Porque as mesmas técnicas que a maioria dos líderes de culto usam para controlar as mentes dos membros de seus cultos são usadas por sistemas totalitários para controlar as mentes de sociedades inteiras: controle do meio, linguagem carregada, ciência sagrada, exigência de pureza e outras técnicas padrão de controle mental. Isso pode acontecer com praticamente qualquer sociedade, assim como qualquer um pode ser vítima de um culto, dadas as circunstâncias certas. Isso está acontecendo com a maioria de nossas sociedades agora. Uma narrativa oficial está sendo implementada. Uma narrativa oficial totalitária. Uma narrativa oficial totalmente psicótica, não menos delirante do que a dos nazistas, ou a família Manson, ou qualquer outro culto. A maioria das pessoas não consegue ver o que está acontecendo, pela simples razão de que está acontecendo com elas. Elas são literalmente incapazes de reconhecê-lo. A mente humana é extremamente resiliente e inventiva quando é forçada além de seus limites. Pergunte a qualquer pessoa que tenha sofrido de psicose ou que tenha tomado muito LSD. Não percebemos quando vamos ficando insanos. Quando a realidade desmorona completamente, a mente cria uma narrativa delirante, que parece tão “real” quanto nossa realidade normal, porque até mesmo uma ilusão é melhor do que o terror delirante do caos absoluto. É com isso que os totalitários e líderes de culto contam e exploram para implantar suas narrativas em nossas mentes, e por que os rituais de iniciação reais (em oposição aos rituais puramente simbólicos) começam atacando a mente do sujeito com terror, dor, exaustão física, drogas psicodélicas, ou algum outro meio de obliterar a percepção da realidade do sujeito. Uma vez que isso seja alcançado, e a mente do sujeito comece a tentar desesperadamente construir uma nova narrativa para dar sentido ao caos cognitivo e ao trauma psicológico que está passando, é relativamente fácil “guiar” esse processo e implantar qualquer narrativa que você quiser, assumindo você tem feito sua lição de casa. E é por isso que tantas pessoas – pessoas que são capazes de reconhecer facilmente o totalitarismo em cultos e países estrangeiros – não conseguem perceber o totalitarismo que está se formando agora, bem na frente de seus olhos (ou melhor, bem dentro de suas mentes). Nem podem perceber a natureza delirante da narrativa oficial “Covid-19”, não mais do que aquelas pessoas na Alemanha nazista foram capazes de perceber o quão completamente delirante era sua narrativa oficial da “raça superior”. Essas pessoas não são ignorantes nem estúpidas. Elas foram iniciadas com sucesso em um culto, que é essencialmente o que o totalitarismo é, embora em uma escala social. Sua iniciação no culto Covidiano começou em janeiro, quando as autoridades médicas e a mídia corporativa ativaram O Medo com projeções de centenas de milhões de mortes e fotos falsas de pessoas caindo mortas nas ruas. O condicionamento psicológico continuou por meses. As massas globais foram submetidas a um fluxo constante de propaganda, histeria manufaturada, especulação descabidas, diretivas conflitantes, exageros, mentiras e efeitos teatrais de mau gosto. Quarentenas. Lockdowns. Hospitais de campanha de emergência e necrotérios. Os funcionários da saúde pública cantando e dançando. Caminhões da defuntos. UTIs transbordando. Bebês mortos de Covid. Estatísticas manipuladas. Esquadrões de manipulação. Máscaras. E todo o resto. Oito meses depois, aqui estamos. O chefe do Programa de Emergências de Saúde da OMS confirmou basicamente uma taxa de fatalidade por infecção de 0,14%, aproximadamente o mesmo da gripe sazonal. E aqui estão as últimas estimativas de taxa de sobrevivência do CDC:
Idade 0-19… 99,997%
Idade 20-49… 99,98%
Idade 50-69… 99,5%
Mais de 70 anos … 94,6%
O argumento da “ciência” acabou oficialmente. Um número cada vez maior de médicos e especialistas médicos está rompendo o silêncio e explicando como a atual histeria em massa sobre “casos” (que agora inclui pessoas perfeitamente saudáveis) é essencialmente propaganda sem sentido, por exemplo, neste trecho da ARD, um dos grandes canais de televisão da Alemanha. E depois há a existência da Suécia e de outros países que não entraram na onda da narrativa oficial do Covid-19, coisa que ridiculariza a histeria em curso.  Não vou continuar desmascarando a narrativa. A questão é que os fatos estão todos disponíveis. Não de sites de “teóricos da conspiração”. De fontes mainstream e especialistas médicos. Da porra do Centro de Prevenção e Controle das Doenças (CDC). O que não importa nem um pouco, não para os membros do culto Covidiano. Os fatos não importam para totalitários e membros de seitas. O que importa é a lealdade ao culto ou ao partido. O que significa que temos um problema sério, aqueles de nós para quem os fatos ainda importam, e que têm tentado usá-los para convencer os cultistas covidianos de que eles estão errados sobre o vírus … por já estarmos oito meses batendo nesta tecla. Embora seja crucial continuar relatando os fatos e compartilhando-os com o maior número de pessoas possível – o que está se tornando cada vez mais difícil devido à censura das mídias alternativas e sociais – é importante aceitar o que estamos enfrentando. O que estamos enfrentando não é um mal-entendido ou um argumento racional sobre fatos científicos. É um movimento ideológico fanático. Um movimento totalitário global … o primeiro desse tipo na história da humanidade. Não é totalitarismo nacional, porque vivemos em um império capitalista global, que não é governado por Estados-nação, mas sim por entidades supranacionais e o próprio sistema capitalista global. E assim, o paradigma culto/cultura foi invertido. Em vez de o culto existir como uma ilha dentro da cultura dominante, o culto se tornou a cultura dominante, e aqueles de nós que não aderiram ao culto se tornaram as ilhas isoladas dentro dele. Eu gostaria de ser mais otimista e talvez oferecer algum tipo de plano de ação, mas o único paralelo histórico que posso pensar é como o Cristianismo “converteu” o mundo pagão … o que realmente não é um bom presságio para nós. Enquanto você está sentado em casa durante as quarentenas de “segunda onda”, você pode querer relembrar essa história.
[O Culto Covidiano
](https://rothbardbrasil.com/o-culto-covidiano/)
submitted by Mr_Libertarian to Libertarianismo [link] [comments]


2020.10.17 16:54 Mr_Libertarian O Culto Covidiano

Por: C. J. Hopkins
Uma das marcas do totalitarismo é a conformidade em massa a uma narrativa oficial psicótica. Não é uma narrativa oficial regular, como as narrativas da “Guerra Fria” ou da “Guerra ao Terror”. Uma narrativa oficial totalmente delirante que tem pouca ou nenhuma conexão com a realidade e que é contrariada por uma preponderância de fatos. O nazismo e o stalinismo são os exemplos clássicos, mas o fenômeno é melhor observado em cultos e outros grupos sociais subculturais. Numerosos exemplos virão à mente: a família Manson, Jim Jones ‘People’s Temple, a Igreja da Cientologia, Heavens Gate, etc., cada um com sua própria narrativa psicótica oficial: Helter Skelter, Comunismo Cristão, Xenu e a Confederação Galáctica, e assim por diante. Olhando a partir da cultura dominante (ou retrocedendo no tempo, no caso dos nazistas), a natureza delirante dessas narrativas oficiais é flagrantemente óbvia para a maioria das pessoas racionais. O que muitas pessoas não conseguem entender é que, para aqueles que são vítimas deles (sejam membros de uma seita individual ou sociedades totalitárias inteiras), tais narrativas não são consideradas como psicóticas. Pelo contrário, elas parecem totalmente normais. Tudo em sua “realidade” social retifica e reafirma a narrativa, e tudo que a desafia ou contradiz é percebido como uma ameaça existencial. Essas narrativas são invariavelmente paranoicas, retratando o culto como ameaçado ou perseguido por um inimigo maligno ou força antagônica da qual apenas a conformidade inquestionável com a ideologia do culto pode salvar seus membros. Faz pouca diferença se esse antagonista é a cultura dominante, contra-revolucionários, judeus ou um vírus. A questão não é a identidade do inimigo. A questão é a atmosfera de paranoia e histeria que a narrativa oficial gera, que mantém os membros do culto (ou a sociedade) obedientes. Além de paranoicas, essas narrativas costumam ser internamente inconsistentes, ilógicas e … bem, completamente ridículas. Isso não as enfraquece, como se pode suspeitar. Na verdade, aumenta seu poder, pois força seus adeptos a tentarem reconciliar sua inconsistência e irracionalidade e, em muitos casos, o absurdo total, a fim de se manterem em dia com o culto. Tal reconciliação é obviamente impossível e faz com que as mentes dos membros da seita entrem em curto-circuito e abandonem qualquer aparência de pensamento crítico, que é precisamente o que o líder da seita deseja. Além disso, os líderes da seita muitas vezes mudam radicalmente essas narrativas sem motivo aparente, forçando os membros da seita a rejeitar abruptamente (e muitas vezes até denunciar como “heresia”) as crenças que foram forçados a professar anteriormente e se comportar como se nunca tivessem acreditado nelas, o que faz com que suas mentes entrem em curto-circuito, até que eventualmente desistam até mesmo de tentar pensar racionalmente, e simplesmente repetem qualquer coisa sem sentido que o líder do culto coloque em suas cabeças. Além disso, o papo absurdo do líder do culto não é tão absurdo quanto pode parecer à primeira vista. A maioria de nós, ao encontrar esse papo, presume que o líder da seita está tentando se comunicar e que algo está muito errado com seu cérebro. O líder da seita não está tentando se comunicar. Ele está tentando desorientar e controlar a mente do ouvinte. Ouça o modo de falar de Charlie Manson. Não apenas o que ele diz, mas como ele diz. Observe como ele espalha pedaços de verdade em seu fluxo de absurdos associados livremente e seu uso repetitivo de clichês que encerram o pensamento, descritos por Robert J. Lifton da seguinte maneira:
“A linguagem do ambiente totalista é caracterizada pelo clichê exterminador do pensamento. Os problemas humanos de maior alcance e complexidade são compactados em frases breves, altamente seletivas e que soam definitivas, facilmente memorizadas e expressas. Elas se tornam o início e o fim de qualquer análise ideológica.” – Reforma do pensamento e a psicologia do totalismo: Um estudo de “lavagem cerebral” na China, 1961
Se tudo isso parece familiar, ótimo. Porque as mesmas técnicas que a maioria dos líderes de culto usam para controlar as mentes dos membros de seus cultos são usadas por sistemas totalitários para controlar as mentes de sociedades inteiras: controle do meio, linguagem carregada, ciência sagrada, exigência de pureza e outras técnicas padrão de controle mental. Isso pode acontecer com praticamente qualquer sociedade, assim como qualquer um pode ser vítima de um culto, dadas as circunstâncias certas. Isso está acontecendo com a maioria de nossas sociedades agora. Uma narrativa oficial está sendo implementada. Uma narrativa oficial totalitária. Uma narrativa oficial totalmente psicótica, não menos delirante do que a dos nazistas, ou a família Manson, ou qualquer outro culto. A maioria das pessoas não consegue ver o que está acontecendo, pela simples razão de que está acontecendo com elas. Elas são literalmente incapazes de reconhecê-lo. A mente humana é extremamente resiliente e inventiva quando é forçada além de seus limites. Pergunte a qualquer pessoa que tenha sofrido de psicose ou que tenha tomado muito LSD. Não percebemos quando vamos ficando insanos. Quando a realidade desmorona completamente, a mente cria uma narrativa delirante, que parece tão “real” quanto nossa realidade normal, porque até mesmo uma ilusão é melhor do que o terror delirante do caos absoluto. É com isso que os totalitários e líderes de culto contam e exploram para implantar suas narrativas em nossas mentes, e por que os rituais de iniciação reais (em oposição aos rituais puramente simbólicos) começam atacando a mente do sujeito com terror, dor, exaustão física, drogas psicodélicas, ou algum outro meio de obliterar a percepção da realidade do sujeito. Uma vez que isso seja alcançado, e a mente do sujeito comece a tentar desesperadamente construir uma nova narrativa para dar sentido ao caos cognitivo e ao trauma psicológico que está passando, é relativamente fácil “guiar” esse processo e implantar qualquer narrativa que você quiser, assumindo você tem feito sua lição de casa. E é por isso que tantas pessoas – pessoas que são capazes de reconhecer facilmente o totalitarismo em cultos e países estrangeiros – não conseguem perceber o totalitarismo que está se formando agora, bem na frente de seus olhos (ou melhor, bem dentro de suas mentes). Nem podem perceber a natureza delirante da narrativa oficial “Covid-19”, não mais do que aquelas pessoas na Alemanha nazista foram capazes de perceber o quão completamente delirante era sua narrativa oficial da “raça superior”. Essas pessoas não são ignorantes nem estúpidas. Elas foram iniciadas com sucesso em um culto, que é essencialmente o que o totalitarismo é, embora em uma escala social. Sua iniciação no culto Covidiano começou em janeiro, quando as autoridades médicas e a mídia corporativa ativaram O Medo com projeções de centenas de milhões de mortes e fotos falsas de pessoas caindo mortas nas ruas. O condicionamento psicológico continuou por meses. As massas globais foram submetidas a um fluxo constante de propaganda, histeria manufaturada, especulação descabidas, diretivas conflitantes, exageros, mentiras e efeitos teatrais de mau gosto. Quarentenas. Lockdowns. Hospitais de campanha de emergência e necrotérios. Os funcionários da saúde pública cantando e dançando. Caminhões da defuntos. UTIs transbordando. Bebês mortos de Covid. Estatísticas manipuladas. Esquadrões de manipulação. Máscaras. E todo o resto. Oito meses depois, aqui estamos. O chefe do Programa de Emergências de Saúde da OMS confirmou basicamente uma taxa de fatalidade por infecção de 0,14%, aproximadamente o mesmo da gripe sazonal. E aqui estão as últimas estimativas de taxa de sobrevivência do CDC:
Idade 0-19… 99,997%
Idade 20-49… 99,98%
Idade 50-69… 99,5%
Mais de 70 anos … 94,6%
O argumento da “ciência” acabou oficialmente. Um número cada vez maior de médicos e especialistas médicos está rompendo o silêncio e explicando como a atual histeria em massa sobre “casos” (que agora inclui pessoas perfeitamente saudáveis) é essencialmente propaganda sem sentido, por exemplo, neste trecho da ARD, um dos grandes canais de televisão da Alemanha. E depois há a existência da Suécia e de outros países que não entraram na onda da narrativa oficial do Covid-19, coisa que ridiculariza a histeria em curso.  Não vou continuar desmascarando a narrativa. A questão é que os fatos estão todos disponíveis. Não de sites de “teóricos da conspiração”. De fontes mainstream e especialistas médicos. Da porra do Centro de Prevenção e Controle das Doenças (CDC). O que não importa nem um pouco, não para os membros do culto Covidiano. Os fatos não importam para totalitários e membros de seitas. O que importa é a lealdade ao culto ou ao partido. O que significa que temos um problema sério, aqueles de nós para quem os fatos ainda importam, e que têm tentado usá-los para convencer os cultistas covidianos de que eles estão errados sobre o vírus … por já estarmos oito meses batendo nesta tecla. Embora seja crucial continuar relatando os fatos e compartilhando-os com o maior número de pessoas possível – o que está se tornando cada vez mais difícil devido à censura das mídias alternativas e sociais – é importante aceitar o que estamos enfrentando. O que estamos enfrentando não é um mal-entendido ou um argumento racional sobre fatos científicos. É um movimento ideológico fanático. Um movimento totalitário global … o primeiro desse tipo na história da humanidade. Não é totalitarismo nacional, porque vivemos em um império capitalista global, que não é governado por Estados-nação, mas sim por entidades supranacionais e o próprio sistema capitalista global. E assim, o paradigma culto/cultura foi invertido. Em vez de o culto existir como uma ilha dentro da cultura dominante, o culto se tornou a cultura dominante, e aqueles de nós que não aderiram ao culto se tornaram as ilhas isoladas dentro dele. Eu gostaria de ser mais otimista e talvez oferecer algum tipo de plano de ação, mas o único paralelo histórico que posso pensar é como o Cristianismo “converteu” o mundo pagão … o que realmente não é um bom presságio para nós. Enquanto você está sentado em casa durante as quarentenas de “segunda onda”, você pode querer relembrar essa história.
[O Culto Covidiano
](https://rothbardbrasil.com/o-culto-covidiano/)
submitted by Mr_Libertarian to u/Mr_Libertarian [link] [comments]


2020.10.15 21:51 SujeitoOculto Quantas vezes você pensa em Deus durante seu dia?

Gostaria de saber quantas vezes vocês pensam nele antes de agir ou tomar decisoes, não digo especificamente o Deus cristão.
Eu sou ateu e muito raramente penso ou lembro de Deus, mas recentemente percebi que nem lembrava. Tenho a impressão de que outras pessoas também não pensam tanto em Deus e que a existência divina é uma coisa abstrata sem muito impacto.
submitted by SujeitoOculto to desabafos [link] [comments]


2020.10.11 21:07 Barbaro_Erudito Hitler perseguia negros? Final da temporada de The Boys. Bem vindo ao Reddit!

Hitler perseguia negros? Final da temporada de The Boys. Bem vindo ao Reddit!
Oi, como podem perceber sou novo aqui. E como bem perceberam no título desse tópico (será que posso chamar de tópico? Isso tudo aqui parece um fórum pra mim.) gosto de causar polêmica a troco de absolutamente nada. Com isso fica fácil deduzir como eu vim parar aqui: perdi todas as outras redes sociais (Facebook, Twitter) por causa do que eu postava sobre as minhas opiniões político-partidárias. A turma via minhas postagens, deturpava e mandavam os seus robôzinhos denunciar meus perfis. Perdi todos, acho que foi até uma bênção pra mim.
Assim que criei a conta aqui prontamente achei a comunidade brasileira, o reddit.com/brasil. Entretanto logo após que eu fiz um comentário lá recebi uma mensagem dizendo que eu tinha que ter 15 dias de existência e 50 pontos... sei lá! Então quando eu parei para analisar bem quais eram as postagens que tinham e como eram os comentários, logo conclui que lá é um antro de esquerdistas intolerantes que muito provavelmente taxaram e continuam taxando os 57.796.986 eleitores que votaram no Bolsonaro (é, dei uma Bingada. Sim, uso o Bing, fodase!) de nazistas, fascistas, otorrinolaringologistas e etc.
Então, prontamente saí em busca de outra comunidade brasileira aqui no Reddit quando enfim cheguei aqui. Fiz um comentário numa postagem e aparentemente ele não caiu num limbo devido a minha falta de tempo de conta ou de pontuação inútil que a gente só encontraria naquele episódio de Blackmirror sobre as redes sociais. Então, tô aqui.
Finalizando a minha apresentação e de como eu cheguei aqui e iniciando os temas do título do tópico, recentemente veio-me uma dúvida a minha mente: o Hitler realmente perseguia negros? Ou para uma melhor colocação: o nazismo perseguia SOMENTE negros? Porque todo esse bombardeamento da mídia e até das escolas onde nós estudamos dá a entender que tudo o que o Hitler fez foi somente para matar todos os negros do planeta inteiro e disseminar a sua raça ariana pura, quando nós bem sabemos que, além de negros, o nazismo perseguiu muito mais e mais violentamente os judeus, as populações dos países adjacentes a Alemanha como os poloneses e também ciganos. Até lembro que o Jesse Owens participou "de boaça" das competições bem debaixo do nariz de Hitler, como um demônio sanguinário permitira uma provocação tão grande quanto essas? Um negro vencendo sua raça ariana para todo o planeta ver?
Aí veio a série The Boys juntamente com a personagem Tempesta (Stormfront). Quero logo dizer que eu não li as HQs, apenas vi alguns vídeos do canal Ei Nerd onde ele dizia que nas HQs esse personagem era homem, enquanto na série colocaram ele como mulher. Até aí beleza. Mas na série colocaram a Tempesta como se fosse a esposa de um nazista lá que criou os primeiros supers, incluindo ela. E a temporada inteira deu a entender que ela não gostava apenas de negros, quando, na verdade, como escrito anteriormente aqui, o nazismo perseguiu além dos negros, com muito mais afinco e violência, judeus, ciganos e poloneses e dentre outros. Daí já tem uma contradição: por que ela escolheria a América do Norte, que já tinha, tanto numa época recente da segunda guerra quanto até os dias atuais onde a série se passa, uma vasta diversidade de raça, cor, etnia e etc? Por que a Vought não continuou na Alemanha e não se estabeleceu por lá apenas para fazer os supers com arianos? Ou por que (e como) o Stan Edgard conseguiu se tornar o chefão da Vought com a Tempesta sempre sendo a "dona da empresa" por trás dos panos, afinal ela não era a esposa do criador da empresa cujo o nome deriva do sobrenome do mesmo? Pra mim, não faz muito sentido.
Então reparei nessa cena do último episódio da segunda temporada:
https://preview.redd.it/6yate39tkis51.png?width=3000&format=png&auto=webp&s=8f622d68d9a0bf74ff003c01294c96fa0d79b53a
Leitinho usa uma camisa com o símbolo de uma mão em forma de punho fechado levantado pra cima. Não é de hoje que percebo essa série dando umas "esquerdizadas". Vem acontecendo desde o episódio lá da igreja, onde praticamente taxa todos os cristãos como homofóbicos altamente odiosos e os líderes cristãos como hipócritas por experimentarem o homossexualismo.
E acredito que não seja por acaso o Leitinho estar usando essa camisa quando recentemente estamos vendo os Antifas usando esse mesmo símbolo estampado em suas ações; isso nada mais passa, ao meu ver, uma mensagem que diz "olha só, os antifas são os nossos amiguinhos! Eles são os mocinhos da história assim como o Leitinho e os The Boys!" Bem como atrelado a todo o contexto em que a série está incluída, onde temos algumas pessoas 'normais', vistas na sociedade como criminosas, lutando contra os 'heróis' que são os verdadeiros vilões e criminosos da série, porém agem por trás dos panos e ludibriam a população com uma aura de "herói bonzinho". Alguma semelhança com a vida real? Ao meu ver, numa conclusão óbvia, os The Boys são os Antifas e o Capitão Pátria e companhia são, nos EUA, os republicanos de direita pró-Trump. Ou até melhor, dando um exemplo conterrâneo, são os "cidadãos de bem" aqui do Brasil.
CIDADÃOS DE BEM
Ah... os "cidadãos de bem"... finalmente cheguei no ponto em que eu queria. No último ano, não, digo, desde quando o Bolsonaro venceu as eleições, qualquer coisa deplorável que surja na mídia ou em qualquer jornalzinho de uma cidadezinha, já é taxado pelos esquerdopatas como praticados pelos tais "cidadãos de bem" que votaram no Bolsonaro. Isso vai desde uma simples briga de trânsito até o ataque da escola de Suzano. Não importa! Quando eles observam um crime sendo cometido, uma cena em que alguém está sendo humilhado ou prejudicado prontamente já dizem: "—olha o cidadão de bem eleitor do Bolsonaro aí!" E eles falam com uma convicção de que num presídio não existam presos apoiadores de Lula, Dilma ou que sejam inclinados a apoiarem as pautas comuno-progressistas e socialistas que essa turminha tanto defende.
É a corrupção do "cidadão de bem". É isso que 'eles' estão fazendo! Se um "cidadão de bem" sai de sua casa, pega ônibus, vai pro trabalho e quando volta cansado do trabalho é morto em um assalto, não importa! Ele era um "cidadão de bem", morreu porque uma "vítima da sociedade" queria algo dele por acreditar inconscientemente numa "dívida histórica" que o tal cidadão de bem tinha com ele. Onde já vimos isso antes? Um cidadão de bem sendo o malvado da história quando o criminoso na verdade era o "mocinho"? Um povo que fora escravizado no passado e está descontando suas "raivas ancestrais" em pessoas que nunca escravizaram alguém na vida? Um herói que na verdade é um vilão sendo vencido por criminosos que na verdade são os mocinhos?
FINALIZANDO E TIRANDO MINHAS CONCLUSÕES...
Agora é que a minha viagem na maionese começa: os Antifas é, como nós todos, pessoas com 3 ou mais neurônios na cabeça já sabemos, é um grupo terrorista que busca instaurar o caos com um claro objetivo político que derrubar o Trump! Ou seja, derrubar a direita.
Subvertem o termo "cidadão de bem" para poderem legitimar as suas atitudes, como destruir patrimônios público-privados, derrubar estátuas e saquear lojas e até a assassinar pessoas como vem acontecendo nos EUA depois da morte de George Floyd assim como vai acontecer muito mais, tanto lá quanto aqui no Brasil. Mas, lembrando que é sempre sob o pretexto de combater o "cidadão de bem". A pessoa que é "boazinha" por fora mas por dentro é racista, fascista, otorrinolaringologista, etc. O dono de uma mercearia por exemplo? É um cidadão de bem! Pois ele agride os menos desfavorecidos com a sua prosperidade.
Pra isso eles precisam de uma vítima: o povo negro. E para "protegê-los" precisam de um vilão no nível de um demônio: os nazistas.
Agora aqui no final eu deixo um questionamento para os que leram até aqui: a cada dia que passa vemos mais e mais notícias da mídia dizendo que o "neonazismo" está crescendo nos EUA e aqui no Brasil. Você já viu alguma organização neonazista aqui no Brasil? Já foi convidado para entrar em alguma organização dessas? Já foi perseguido e agredido por uma dessas organizações? Existe, hoje, algum político que defenda abertamente o nazismo (obs: aquele professorzinho da piscina da suástica não conta, aliás, ele nem vai conseguir se eleger)?
Pergunta bônus:
Existe algum grupo nos dias atuais que defendam a "não miscigenação" sob o pretexto de manter a raça pura?
(alerta de spoiler)https://media.gazetadopovo.com.b2018/01/1f114ef69a9e7fc41f6524dc96151694-gpMedium.jpg
Bom, acho que consegui criar uma bela treta pra começar a usar essa... rede social (?)
Bom... parece um fórum...
submitted by Barbaro_Erudito to brasilivre [link] [comments]


2020.10.11 19:30 Locutrad "Vai estudar" é um dos argumentos mais desonestos que os radicais usam.

Tanto da esquerda quanto da direita, já recebi esse "conselho". E não adianta dizer que sou formado na área, porque eles vão dizer que minha faculdade não presta, que só fui doutrinado nela. Se um direitista diz isso, vai acusar minha faculdade de ser comunista. Se um esquerdista diz isso, vai acusar minha faculdade de seguir a cartilha da CIA. Seu estudo só é válido pra eles se você tiver lido Olavo ou Jones Manoel. Essas pessoas que te mandam estudar não estudaram porra nenhuma, apenas se limitaram a ler aquilo que vai ao encontro do que eles já acreditavam.
Jamais use "vai estudar" como argumento. Fale logo em qual autor se baseia a sua opinião ou sugira à pessoa determinada leitura.
Edit: um adendo — essa atitude é igual à do crente que, mesmo você sendo cristão, diz que você não será salvo se não seguir a igreja dele, que as outras igrejas ensinam tudo errado.
submitted by Locutrad to brasil [link] [comments]


2020.10.10 02:03 danielfeliciano Escrevi um poema refletindo sobre a situação do Brasil, espero que os façam pensar e que gostem <3

O Bolsonaro e os filhos bandidos metendo a mão
Mas sempre sem verba pra educação
Witzel e Crivella em esquema de corrupção
O que me resta é viver minha vida normal de cidadão
Trabalhando todo dia pra poder comprar meu pão
Pra mais uma vez ver minhas expectativas indo pro chão
Quando algum político bundão
É eleito pela população
Que tem muita ambição
Mas que não tem a menor visão de como o diabo se disfarça de cristão
Sobe no palanque e promete x e y
Passa a responsabilidade própria para as mãos de um ministro
Mais de dois anos depois de eleito, nada que prometeu foi feito
E ainda tem gente que o segue
Dizendo que ele é perfeito
Depois de tê-lo apoiado tanto tempo, ir contra ele é quase ir contra si mesmo
Mesmo diante de tantos escândalos, erros são difíceis de assumir
Quando se está atolado na lama é mais fácil ficar lá do que sair
Nunca é tarde demais. Nas próximas eleições federais faça questão de votar em quem não se importa só com os interesses pessoais
Nós somos Brasil: pretos, brancos, índios e asiáticos. Ricos, pobres, periféricos e favelados. Se escolher um candidato que só governa pra um grupo e para um lado, não reclame quando você tiver seus direitos violados
Fique atento com político salafrário
Que promete proteger o empresário
E o trabalhador, povo sofredor
Fica em segundo plano nas propostas do estado
Sem o trabalhador não existe o empresário, mas isso não quer dizer que o mesmo vá ser valorizado
Esse problema tem uma explicação. O plano é assim: cortar da educação para que o brasileiro não seja qualificado e educado
E assim aceite ser controlado e mal pago
Pelo mesmo empresário que além de já ser privilegiado
Ainda com o nosso dinheiro é beneficiado (Alô velho da Havan, seu bandido safado!)
É só aqui mesmo no Brasil
Que tiro na cabeça de pobre é celebrado
E as pessoas esquecem que criminoso não é só aquele que comete assaltos
Também é aquele que recebe 89 mil não declarados (pela conta da esposa, tudo farinha do mesmo saco)
Tal dinheiro recebido da mão de um miliciano assumido
A diferença é que esse outro bandido
É constantemente chamado de "mito"
submitted by danielfeliciano to brasil [link] [comments]


2020.10.10 00:19 Westa1995 Marcelo Rebelo de Sousa é Satânico - desafio qualquer um a mudar a minha opinião.

Boa noite meus caros.
Antes de mais, sim estou são e de excelente saúde, e espero que voçês estejam também. Estou a lançar este fio para efeitos de debate. Percebo que é uma suposição extravagante que coloquei no titulo mas garanto que é completamente honesta. Como sei que poucos a levarão a sério, escrevi bastante de modo a justificar o meu pensamento, mas sem esticar isto de modo a que ninguem leia. Posso tentar colocar links mais tarde, mas já fica tarde e acredito ter indicado bem o que é opinião e o que é facto ter indicado de modo a ser fácil de pesquisar portanto por agora é isto.

Primeiro para nos situarmos:

Acredito que política a sério é feita atrás de portas fechadas. Aquilo que é feito público pelos medias é pouco mais que teatro.
Não só em Portugal mas a um nível mundial, o clima geopolitico é completamente diferente daquilo que nos é vendido. É uma hierarquia composta por lideres políticos de vários paises na qual cada um tenta agradar mais a elite das elites que está no absoluto topo, através de tributos, submição e demonstrações de competências ditatoriais e de manipulação do público.
Todos os que estão dentro deste grupo têm como requesito serem fáceis de controlar e terem absoluta lealdade aos seus superiores, seguindo todas as ordens de modo diligente e sem consciência dos danos que causam à Humanidade.

De onde vem este ponto de vista:

Já uns anos atrás, vi uma entrevista de um senhor chamado Ronald Bernard, um investidor que subiu muito na pirâmide hierarquica e eventualmente foi convidado para um ritual satânico. De acordo com ele, o nome do jogo nessas posições altas é "chantagem". É preciso ser fácil de controlar de modo a poder entrar no grupo que constitui o topo da pirâmide económica.
Isto é consitente com o que outras pessoas disseram, como Isaac Kappy que denunciou celebridades como o Stephen Colbert e o Spielberg como sendo pedófilos uns meses antes de se "suicidar". É tambem consistente com personagens como o Jeffrey Epstein, tendo ele uma operação de tráfico Humano onde gente de perfil importante no mundo ia à ilha dele violar ou matar, ou qualquer outra coisa, a crianças. Operação a qual tambem só seria possível por gente com muito dinheiro, entre montar a ilha, os aviões necessários para transportar tudo isto, sobronar autoridades os custo já mais seriam possíveis de cobrir por alguem menos que gente como esta.
Devido a isto, é me indiferente se Trump ou Biden ganha, pois acredito solenemente que ambos respondem ao mesmo senhores. E a eleição de um ou de outro apenas iria acelarar ou desacelarar as intenções com as quais quem está a puxar os fios irá executar seja lá o que têm planeado. Hillary não foi presa, muralha com o México ainda não terminada não passa de uma vedação fácil de serrar e que já estava a ser construida no tempo do Obama, censura online só tem vindo a piorar, Julian Assange não foi perdoado, retirou dinheiro da OMS mas dou-o à Johnson&Johnson que por si doam à OMS, disse numa reunião para retirar as armas aos Americanos "sem processo devido" e que conveninete foi Trump ter apanhado o tal virus uns 33 dias antes da eleição. Biden tambem óbviamente não é capaz para a posição caso fosse uma posição verdadeira. Mas como disse, única diferença real seria a confiança com a qual a agenda seria executada. Trump? Ainda vai haver resistência, melhor esperar até 2025 ou assim. Biden? Já cairam todos na nossa teia, em frente com a nova USSR.
Estico isto até celebridades e outro multimilionários, dando exemplo de Elon Musk a fazer-se de polícia bom e Bill Gates de polícia mau. Todos a fingir oposição à frente das cameras mas perseguindo a mesma agenda, lentamente mas sem parar, na realidade.
Quem são esses tais que digo estão a puxar os fios? Especulo que sejam banqueiros, nomeadamente das familias Rothchild e Rockfeller e outros que desconheço ainda mais do que estas de que já sei pouco. Alegadamente são os donos de qualquer banco central no planeta, tanto da Reserva Federal nos EUA (a qual não pertence ao governo apesar do nome "Federal") como o banco central no Japão, tanto como o de Espanha, tanto como o de Portugal.

Pequena pausa

Percebo que estou a fazer grandes saltos em lógica em vários pontos pois é muita informação a qual não consigo colocar toda aqui. No entanto, acredito que esta perspectiva explique muitas das incosistencias e hipocrisias de gente em cargos de poder altos que tipicamente desculpamos como mêra estupidez.
Para quem está a ser exposto a estas ideias pela primeira vez, eu demorei anos até chegar a este ponto. Não foi algo súbito que decidi de um dia para o outro, é observação de várias situações e debates ao longo de pelo menos meia decada. Estejam à vontade para não acreditar hoje e me chamar maluco. É natural, tambem rejeitei sequer pensar nisto durante muito tempo por medo do efeito que contemplar isto teria em mim pessoalmente. Se me quiserem agora chamar cobarde, tambem aceito.
Mas por favor, leiam e invistiguem o que eu escrevi. Testem isto. Tentem prever ou explicar o que politicos, celebridades ou outros orgãos de poder vão dizer ou fazer ou disseram e fizeram com isto em mente e vão ver que encaixa mais vezes do que tem direito de encaixar. Óbviamente tambem aconselho a não se deixarem obsecar com isto, nem tudo é branco ou preto e conscientemente relacionado com isto. Portanto, como tudo na vida, é ter moderação.

Chegando agora ao ponto que quero fazer sobre Marcelo:

Que lógica teve proibir deslocações entre concelhos na Páscoa, e permitir de imediato a realização do 1º de Maio?
E esta é a pergunta fundamental que quero abordar. Já pensava em muito disto antes deste ano, e infelizmente previ que haveria uma tentativa de sabotar a Páscoa. "Se o Marcelo cancelar a Páscoa ele é parte deste grupo de satânicos" foi o que eu pensei uns meses atrás. O que de certa forma ocorreu, ao utilizar força policial para impedir deslocações entre concelhos. E continuando até hoje ao anunciar já uma iniciativa de sabotar tambem o Natal, dizendo que este terá de ser "repensado". Novamente- Porquê?
Dizer que foi para impedir o virus não faz sentido. Eu deslocar-me sozinho no meu carro ou mota na Páscoa para ir ver familia, num ambiente controlado em que todos nós nos conheçemos não espalharia o virus como encher autocarros de gente aleatória de vários pontos do pais para ir celebrar o 1º de Maio. Não deveriam ambas terem sido canceladas? Ou se apenas uma, não faria mais sentido o 1º de Maio?
Será porque pelo 1º de Maio já tinhamos informação sufeciente para concluir que o virus não é uma ameaça? Nesse caso porque continuamos em confinamento? E mais, porque está Marcelo agora a alastrá-lo para obrigar máscaras ao ar livre?
Paises como a Suécia que não confinaram nem forçaram máscaras já não têm mortes de covid. E noto que estou a falar de "mortes" e não de "casos".
Vários médicos e virulogistas já arriscaram a profissão para rejeitar a eficácia destas medidas, e se ainda acreditam em fontes "oficiais" - a própria CDC já publicou taxas de mortalidade para o covid de 0.002% para pessoas com mais de 70 anos. Para referência - gripe tem uma taxa de 0.1%.
Em vez de as acentuar, não deveriamos estar a levantar restrições agora que temos estes dados e exemplos?
Apartir da narrativa que é vendida - do presidente bacolas de Portugal que toda a gente adora e ignora a constituição para efeitos de "segurança". Lamento, mas genuinamente não consigo arranjar consistência na lógica entre estas medidas de proibir celebrações isoladas Cristãs e não festivais com factores ideais para o virus se espalhar
Nem de continuar, quanto mais alastrar, com as medidas após já termos "alisado a curva" coisa que tinha sido anunciada ser feita em poucas semanas e já vai em vários meses.
No entanto, peço que abram a mente por uns poucos minutos e apenas entretanham esta perspectiva:
Se Marcelo fizer parte de um grupo satanico que não serve os interesse dos Portuguese, então subitamente estas medidas são completamente lógicas e consistentes.
Claro que ele, sendo satânico e desprezando Cristianismo, iria sabotar celebrações Cristãs e humilhá-los ao permitir outras de modo claramente hipócrito.
Tal como Hitler, odiando Judeus, impediu as celebrações deles. Marcelo, sendo lider de um pais e portanto pertencendo ao mesmo grupo que outras figuras politicas relevates e o qual tem como requesito de entrada rituais satânicos, odeia Cristãos. E dou o exemplo da Hillary e o Obama chamarem Cristãos "veneradores de Páscoa" quando houveram atentados terroristas a uma igreja em Sri Lanka uns tempos atrás. Há vários outros exemplos melhores se começarmos a falar de medidas políticas, mas estou a apresentar este pois queria ilustrar isto a um nível mais pessoal possível. Nem num tweet teatral conseguiram esconder o ódio que têm a Cristãos, e é com este tipo de gente que Marcelo anda quando sai da praia e as cameras estão desligadas.
E é este desafio que estou a lançar - Que outra perspectiva, senão esta, traz lógica a todas as medidas de Marcelo?
Sem levantar os ombros e dizer "é palerma". Porque eu já não consigo imaginar mais nada.
Tambem podemos usar isto para racionalizar suspeito do caso de pedófilia da Casa Pia, um senhor Ferro Rodrigues, ainda ter presença como presidente de assemblei. E muitos outros casos, nos quais o Marcelo ficou indiferente ao sofrimento dos Portugueses, como em Pedrogão, ou foi cúmplice da corrupção, como recentemente ao deixar passar a expropriação de propriedade privada por membros de governo ou o Costa poder despedir juizes por telefone.
Mas eu quero manter isto simples para evitar variáveis. Portanto vamos deixar-mo nos com a hipócrisia de que celebrações podem ou não ser restritas.

Extra:

Isto que escrevi até agora foi o meu foco principal, mas já que estou aqui aproveito só para acrescentar um pouco mais de especulação.
Assumindo estar certo, não sei quão alto o Marcelo, Costa, vários outros ministros e Rui Rio estão nessa pirâmide. Não muito imagino, pois não aparentavam saber acerca do plano do covid no ínico. Com o Marcelo refugiando-se como o cobarde que é, e deixando a DGS falar verdades de que "o virus não é perigoso" e de que "máscaras não funcionam" durante uns meses.
Parece que não foram informados pelos seus amigos e chegaram tarde à festa, mas eventualmente lá lhes disseram e começaram então as medidas dictatoriais.
E mais, acredito que estão a tentar subir na posição que têm na pirâmide. Fazendo doações ou tributos à China, que certamente está mais alta que eles neste esquema, com a desculpa dos ventiladores, os quais nunca apareceram - pois não foi uma "compra". E tentando subira tambem, mostrando-se ditadores competentes tais como o Whinnie Poo Chinês ao conseguirem subjugar Portugal com máscaras permanentes, mais empobrecimento, controlo de todos os orgãos de poder, fraude eleitoral e destruição do Cristianismo.

Conclusão:

Se tiveram o incómodo de ler isto tudo, agradeço. Se me conseguirem fazer mudar de ideias, agradeço ainda mais.
Se for apenas para chamar nomes de que sou conspiracionista e afins, bom, compreendo e lamento. Compreedo pois tambem já estive desse lado naive. E lamento pois ser chamado conspiracionista ou paranóico já perdeu muito do efeito quando temos reporters da TVI a escrutinar o Trump descer umas escadas ou gente a conduzir sozinha com máscara, viseiras e luvas.
Este sub tem sido bastante amigável à liberdade de expressão, portanto apenas peço não ser censurado. Nem que nenhuma das resposta que me dêem sejam, independentemente do quão perceptivamente construtivas ou não.
Já estou farto de escrever por agora e haverei de demorar tempo a responder, mas vou tentar o mais possível durante o fim de semana.
submitted by Westa1995 to portugueses [link] [comments]


2020.10.07 09:02 Locutrad [Léo Dias got nothing on me] A verdade sobre Jair Renan Snow

Jair Bolsonaro, o "homem cristão de família", teve um caso com uma mulher casada, largou a primeira esposa pra ficar com ela, e logo depois nasceu o Renan Snow, "Terror do Condomínio". Como? Simples: O "homem cristão de família" pulou cerca. Depois que engravidou a amante, cogitou-se o aborto, e o "cristão pró-vida" tentou lavar as mãos e jogou no colo da amante a decisão de abortar. Como ela decidiu não abortar, o Bolsonaro largou a primeira mulher pra juntar os trapos com a amante (não oficializou), mas só reconheceu o Renan Snow depois de um teste de DNA.
Uma matéria da Época diz que o relacionamento durou 16 anos (tendo terminado em 2008), ou seja, é de muito antes de ela engravidar do Renan, ou seja, muitos anos antes de ele largar a mãe do Dudu Bananinha, provável motivo pelo qual este odeia o irmão bastardo.
submitted by Locutrad to brasil [link] [comments]


2020.10.07 09:00 Locutrad A verdade sobre Jair Renan Snow

Jair Bolsonaro, o "homem cristão de família", teve um caso com uma mulher casada, largou a primeira esposa pra ficar com ela, e logo depois nasceu o Renan Snow, "Terror do Condomínio". Como? Simples: O "homem cristão de família" pulou cerca. Depois que engravidou a amante, cogitou-se o aborto, e o "cristão pró-vida" tentou lavar as mãos e jogou no colo da amante a decisão de abortar. Como ela decidiu não abortar, o Bolsonaro largou a primeira mulher pra juntar os trapos com a amante (não oficializou), mas só reconheceu o Renan Snow depois de um teste de DNA.
Uma matéria da Época diz que o relacionamento durou 16 anos (tendo terminado em 2008), ou seja, é de muito antes de ela engravidar do Renan, ou seja, muitos anos antes de ele largar a mãe do Dudu Bananinha, provável motivo pelo qual este odeia o irmão bastardo.
submitted by Locutrad to brasilivre [link] [comments]


2020.10.06 01:56 khkjzhxckj Eleições 2020: o que fazer quando não tem candidato que te agrade na sua cidade?

A minha cidade tem 4 candidatos a prefeito, hoje assisti o primeiro debate. 2 são "porque eu sou cristão, família, bolsonaro" ou seja, sem chance. 1 nunca trabalhou na "política" parece que não tem preparação nenhuma, ficou lendo um papel e fugindo de perguntas o debate inteiro e não falou nada interessante. 1 é o atual prefeito que é um oportunista do caralh** fala o que vai dar voto (já falou que votou no Bolsonaro).
O que fazer nessa situação jesus amado?
submitted by khkjzhxckj to brasil [link] [comments]